O CRUEL GOVERNO NORTE COREANO

Ao ler sobre a Coréia do Norte, descobri que este país já foi cristão antes dos comunistas tomarem o poder em 1945. A capital, Pyung Yang, era conhecida como a “Jerusalém da Ásia”, e foi também um centro para o movimento de resistência contra a ocupação japonesa. E neste período muitos cristãos, que desconhecemos, foram presos, torturados e mortos pelo governo militar japonês. Só para se ter uma idéia havia 600.000 cristãos na Coréia do Norte quando terminou a 2ª Guerra Mundial.

Em 1945, a Coréia foi libertada da ocupação japonesa. E infelizmente ela foi dividida pelas forças aliadas em Coréia do Sul e Norte. Sendo a região norte ocupada pelos russos comunistas, que imediatamente iniciaram a socialização do país, incluindo a perseguição aos cristãos.

Estima-se que, pelo menos, dois terços dos cristãos fugiram para o Sul durante os anos de 1945 a 1950. Onde eles começaram suas próprias igrejas de refugiados na Coreia do Sul, que eventualmente tornaram-se algumas das maiores igrejas da Coréia do Sul, incluindo a igrejga de Yung Rak com mais de 20.000 membros. A constituição da Coréia do Norte tem a liberdade de religião, mas também tem a liberdade de se opor às religiões.

Na Coréia do Norte, a perseguição surgiu de forma gradativa com várias etapas. A primeira etapa foi o confisco de propriedades da Igreja no início de 1946. Não só as igrejas, mas também as propriedades de cristãos foram confiscadas, juntamente com as propriedades dos latifundiários. Em segundo lugar, a educação cristã dos jovens, especialmente os jovens menores de 17 anos, foram proibido por lei. Em terceiro lugar, as reuniões cristãs eram proibidas. E, finalmente, os líderes cristãos foram secretamente executados. Principalmente quando aconteceu a Guerra da Coréia contra o Japão. Muitos cristãos morreram secretamente, calcula-se aproximadamente a execução de pelo menos 500 líderes cristãos.

O sistema socialista é classificado como totalitário, onde tudo é controlado pelo governo. Não há praticamente nenhuma propriedade pessoal. Não somente na política ou na economia, como também controlam o que pensar. Esse tipo de sistema procura controlar até o que as pessoas pensam. Imagine ser monitorado 24hs! Os canais de comunicação TV e rádio, bem como os jornais são controlados pelo governo, ou seja, o povo Norte coreano ouve somente aquilo que o governo determina. Na verdade, o que os norte coreanos ouvem na maior parte do tempo são elogios ao seu líder.

Hoje, existem muitos cristãos na Coréia do Norte, que se reúnem secretamente. Uma igreja que se reúne para cantar hinos sem fazer sons, e quando cantam usam melodias das canções do governo. Eles lêem as escrituras silenciosamente e os sermões são sussurrados. Toda precaução para não serem descobertos pela polícia secreta.

Oremos por este país que tem falta de alimentos, onde as crianças de ruas são mortas para que suas carnes, sangue e órgãos sejam vendidos nos mercados. Ore, também, por restauração das cristãs norte-coreanas que vivem na China que, com freqüência, são traficadas, abusadas e incapacitadas de receber amor. Interceda por alguns projetos de risco que a Portas Abertas Internacional está desenvolvendo na Córeia do Norte. Ore por proteção aos cooperadores e aos contatos.

CONHECENDOAIGREJA.BLOGSPOT.COM

1 comentários:

At 21 de junho de 2011 11:40 Andréia said...

É um absurdo que ainda no século 21 este tipo de ideologia sobreviva...
E apesar de se autodenominarem como socialistas, tal sistema de governo configura na realidade uma ditadura dirigida através de princípios totalmente diversos daqueles pregados por Karl Marx, nos primórdios da utopia socialista.
Oremos para que nossos irmãos possam permanecer firmes na fé, apesar das dificuldades.

Deus quer falar com você hoje
http://ouvindodeushoje.blogspot.com

 

Postar um comentário

Pesquisar neste blog